fbpx

Coronavírus começa preocupar o agro

Entre informações recebidas a cada instante com recomendações de isolamento e o aumento do número de mortes causadas pela pandemia anunciada pela OMS no último dia 11, o Coronavírus (Covid-19) está impactando diretamente a economia e agora começa preocupar o agronegócio.

Com o final da safra se aproximando, o Ministério da Saúde alertou que o pico da crise deverá ocorrer nas próximas semanas. Neste sentido, a CNA – Confederação Nacional da Agricultura criou um grupo para monitorar a crise do Covid-19 com o objetivo de garantir a produção de alimentos e o abastecimento para a população.

Produtos
Commodities

Para as principais commodities agrícolas, como soja, milho e café, houve queda nos preços internacionais. Porém, em função da alta do dólar, os preços reais não foram impactados. Para o setor sucroenergético e o algodão, o maior problema foi a guerra do petróleo entre Rússia e Arábia Saudita, que derrubou os preços nestes setores.

Café: produtores de café estão preocupados com a colheita, pois a maior parte dos trabalhos nas lavouras são feitos manualmente e com trabalhadores de outros estados.

Hortifruti: Os produtores de frutas e hortaliças observam um aumento de até 30% na demanda de supermercados.

Carnes e Pescados: A interrupção dos serviços de restaurantes já levam a recuos de até 15% nos pedidos de aves e suínos. A comercialização de camarões caiu 80%. Com a ordem de fechamento em grandes cidades, espera-se que demanda recue a níveis nunca vivenciados pelo setor de bares, restaurantes e redes de fast food.

Flores: A CNA ainda apontou que demanda por flores em vasos caiu 50%, enquanto busca pelas flores de corte desabou 70%.

Por: Ralph Wagner Marek, com informações de Assessoria CNA


SEGURO AGRÍCOLA
Com a necessidade do produtor rural ter um seguro de lavoura sem burocracia, de fácil contratação e que protegesse seus altos investimentos contra intempéries climáticas, a SEGURAGRO inovou os serviços de atendimento e assessoria na contratação de seguro agrícola de lavouras para culturas de soja, milho, trigo, feijão, café, cana-de-açúcar e outras culturas.

SAIBA MAIS SOBRE SEGUROS AGRÍCOLAS

Fonte: Foco Rural