fbpx

Deputado quer que brasileiros possam comprar defensivos e máquinas no Mercosul

Em debate sobre o contrabando de agrotóxicos na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado, o senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) afirmou que é preciso compatibilizar o consumo de produtos e insumos agrícolas entre os países do Mercosul para baratear o custo de produção dos agricultores brasileiros. Segundo ele, os agrotóxicos vendidos no Brasil são muito mais caros que nas nações vizinhas. Ele quer viabilizar a possibilidade de o produtor comprar defensivos e outros produtos, como maquinários, na Argentina, Paraguai e Uruguai, já que os preços dos produtos brasileiros seriam até 450% maiores que nos demais países do Mercosul.

Fonte: Por Rafael Walendorff