fbpx

Embrapa apresenta bioinsumo que aumenta produtividade do milho em 10%

Todo ano, o produtor rural precisa aplicar fósforo, nitrogênio e potássio na terra, mas a maior parte do fósforo fica retido no solo. Ciente desse problema, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) desenvolveu um bioinsumo que ajudará a liberar o mineral. “A tecnologia pode aumentar em 10% a produtividade do milho”, conta o presidente da entidade, Celso Moretti.

O anúncio do lançamento foi realizado durante o Agrocenário 2020, evento organizado pela Corteva Agriscience e Aprosoja Brasil. Ontem (4/12), autoridades e pesquisadores se reuniram para discutir as perspectivas para economia, política e assuntos ligados às tecnologias para produção sustentável de alimentos no próximo ano.



Fonte: Canal Rural