fbpx

Mercado da nanica perde força no Norte de MG e preços recuam

Após sequentes altas nas cotações, as comercializações da banana nanica perderam força e os valores recuaram nesta semana (14 a 18/12), no Norte de Minas Gerais. Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, houve cancelamento de muitos carregamentos que estavam previstos para esta semana, sobretudo os que seriam destinados diretamente aos supermercados.

Como justificativa, varejistas informaram que o preço ao consumidor final se tornou muito elevado, restringindo o consumo. Outro ponto citado foi a proximidade do período de festas, que caracteristicamente altera o perfil de compra dos consumidores e reduz o consumo da fruta. Desta forma, a banana nanica de primeira qualidade foi vendida por R$ 2,54/kg, queda de 6% em comparação à semana anterior.

Nas próximas semanas, os volumes carregados ainda devem se manter baixos, já que os preços se encontram em altos patamares e o mercado deve permanecer em clima de fim de ano, o que restringe o consumo da fruta. Assim, as cotações podem apresentar novas reduções, porém menos intensas do que em anos anteriores, devido ao fato de a oferta da variedade se manter restrita em âmbito nacional.

Fonte: Cepea/Esalq