fbpx

“O Agro é Tóxico”

Isso mesmo, o AGRO É TÓXICO! Só não mais tóxico quanto a sua ignorância! O Agro é tóxico, mas o seu cigarro não! E o narguilé? Bobeira, ele nem é altamente cancerígeno.

Quem nunca ouviu por aí que “o produtor envenena nosso alimento”? Porém no armário da sua lavanderia não pode faltar um SBP (inseticida), e você aplica em ambiente com crianças e animais sem a demanda de EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual). Mas os princípios ativos são os mesmo que o agricultor usa na lavoura, o errado é sempre o produtor.

A verdade é que atacar o agro virou politicagem, e vale de tudo, até falar que a pecuária é responsável por dizimar toda vida marítima em um raio de 300 km.

Penso que mais afetado foi o cérebro de quem disse uma aberração dessa! Mas convenhamos eles são os formadores de opinião. Conhecimento técnico? Nenhum! É só abrir a boca e deixar fluir o esgoto que existe dentro de si. Mas e as roupas deles? Ah, precisa ser 100% algodão (sei lá de onde veio esse algodão). O alimento na mesa deles? Poxa, não sabemos a origem!

Chega de tanto sensacionalismo barato e hipocrisia. É hora do Brasil reconhecer o valor do Agro em nossas vidas. Respeite o produtor. O alimento da sua mesa passou pelo suor deste homem do campo.

O Brasil é um exemplo de agricultura sustentável e de preservação.

Artigo escrito por Pedro Augusto – Agro Brasil

Fonte: Assessoria de Imprensa - Agro Brasil